Warning: in_array() expects parameter 2 to be array, string given in /home/decoban/public_html/wp-content/plugins/wordpress-mobile-pack/frontend/sections/show-rel.php on line 37

Cubas: criando ambientes modernos e sofisticados

Por Ana Cláudia | Cubas | em 25 de junho de 2011



As tendências da arquitetura e do design de interiores mostram banheiros modernos bem projetados e decorados com muito bom gosto.

Aproveitando o requinte existente em projetos diferenciados e personalizados, os proprietários têm solicitado cada vez mais banheiros confortáveis, funcionais e adequados ao bolso.

A sofisticação que vai do clássico ao que de mais moderno há no mercado, faz com que os banheiros recebam atenção redobrada dos proprietários de imóveis, que passaram a investir muito mais na construção de espaços adaptados ao seu gosto.

Na hora de escolher os objetos da decoração fique atento a esses dois itens ultramodernos: cubas e iluminação. Afinal, são tantas opções disponíveis que o melhor a fazer é escolher o conjunto que mais combine com seu projeto.

As cubas garantem estilo aos banheiros e lavabos.

Na maioria das vezes, são as estrelas destes ambientes. A escolha do tipo de cuba a ser usada, além de questões como estética e funcionalidade, deve levar em conta o espaço disponível. O mercado oferece cubas de diversos materiais como louça, acrílico, vidro, resina, Corian, Silestone, entre outros.

O formato deste item sanitário pode variar muito, circular, oval, quadrada ou retangular, mas existem basicamente quatro tipos cubas.

Vejam quais são:

  • Cuba de Embutir: Deve ser posta por baixo da bancada, que deve ser fabricada com recorte específico para este fim, de acordo com o formato da cuba.
  • Cuba de Sobrepor: Semelhante a de embutir, mas é encaixada por cima da bancada, que também deve estar recortada no formato da cuba. Tem uma borda superior, que dá o acabamento na peça.
  • Cuba de Apoio: Bastante usada hoje em dia, principalmente em lavabos. Fica apoiada totalmente sobre a bancada.
  • Cuba de Semi-encaixe: Parte da cuba fica encaixada na bancada e o restante permanece suspenso, sem apoios.

É preciso atentar ainda mais para a ligação entre a bacia sanitária, a cuba e a banheira, que deve ser bem afinada. Não precisam necessáriamente ser da mesma linha ou fabricante, mas deve-se escolher modelos compatíveis.


Gostou desse post, vote:
1 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 51 vote, average: 5,00 out of 5 (1 votos, Média: 5)

Escreva um comentário